Publicado em 05 de julho de 2019.

Bento Gonçalves (RS) – “Os municípios são peças fundamentais para levar mais cidadania e elevar a qualidade de vida das famílias mais pobres do país”. Foi o que ressaltou o ministro da Cidadania, Osmar Terra, nesta sexta-feira (5) ao participar do 39º Congresso de Municípios do Rio Grande do Sul, realizado em Bento Gonçalves (RS). Durante o evento, Terra ressaltou a necessidade de promover a integração entre os governos municipais, estaduais e federal para que as políticas públicas sejam executadas com sucesso – principalmente para a inclusão social e produtiva das famílias mais pobres. “Todos os programas e ações do Ministério da Cidadania são voltados ou executados pelos estados e municípios, então precisamos capacitar, estimular e repassar todos os recursos possíveis para uma boa gestão e implantação dos projetos”, defendeu.

Segundo o ministro, o momento político é favorável à realização de mudanças estruturais importantes. Uma delas é a reforma que o governo federal pretende fazer para garantir mais recursos e protagonismo para os municípios, local onde as políticas públicas ocorrem. “O governo federal está decidido a fazer um novo pacto federativo para descentralizar os recursos. Com isso, o percentual da arrecadação que ficará no município será maior”, assegurou.

O evento em Bento Gonçalves foi promovido pela Federação dos Municípios do Rio Grande do Sul (Famurs). Na ocasião, o ministro Osmar Terra foi condecorado com a Medalha de Mérito Municipalista, honraria entregue a personalidades que trabalham em favor do fortalecimento do municipalismo gaúcho. De acordo com o presidente recém-empossado da Famurs, Eduardo Freire, a condecoração é um reconhecimento pelo trabalho e um incentivo à união de esforços que possam resultar em mais cidadania para a população e melhorias aos municípios.

Fonte: Ministério do Desenvolvimento Social